Projeto Social Malacacheta – Judô

O Projeto Malacacheta iniciou em 2012, por iniciativa dos atletas Luiz Alberto Gama de Mendonça (in memoriam), primeiro brasileiro campeão Pan-Americano de Judô e Silvana Nagai, campeã brasileira de judô, com o objetivo de utilizar o Judô como uma ferramenta de desenvolvimento humano, integração social e de fomento à educação e à cultura.

Imbuídos deste propósito, Luiz Alberto e Silvana Nagai iniciaram a atuação da Associação Nagai no Rio de Janeiro, com o Projeto Social Malacacheta, atendendo de início aproximadamente 40 alunos. Logo a comunidade aderiu ao projeto, não só por ele oferecer, gratuitamente, a prática de uma modalidade esportiva no bairro, que pouco ou nada oferece de lazer, cultura e esporte aos moradores, mas, sobretudo, por promover um processo educacional com resultados percebidos pelas famílias envolvidas. E então, em menos de um ano, o projeto saltou de 40 para 150 alunos.

Luiz Alberto e Silvana Nagai com os alunos do Projeto Social Malacacheta, no início do Projeto em 2012.

Luiz Alberto e Silvana Nagai com os alunos do Projeto Social Malacacheta, no início, em 2012.

Exame de Faixa Nagai - Projeto Social Malacacheta em 2013

Exame de Faixa Nagai – Projeto Social Malacacheta/2013

Todos os alunos da Nagai têm em comum a disciplina e o compromisso com a sua própria formação, educacional e pessoal, para contribuir com o crescimento e benefício mútuo da sociedade, que não por acaso é um dos princípios do Judô, o Jita Kyoei.

Assim, desafiando as mazelas sociais de 260 crianças, adolescentes e jovens, moradores de comunidades populares do Rio de Janeiro, e as dificuldades da democratização do esporte no Brasil a Associação Nagai visa: Assegurar o Direito às Práticas Esportivas e de Lazer ao promover a Inclusão-Esportiva; Promover a Educação e a Cultura; Melhorar a Qualidade de Vida e a Saúde; Disseminar Valores Humanos essenciais à Formação Cidadã; Fortalecer os vínculos familiares e comunitários trazendo orgulho e melhorando a auto-estima; Estruturar um programa de competições, ampliando e qualificando a participação em todas as idades e Ampliar as Perspectivas de Futuro.

Metodologia

Alunos da Nagai participando da Oficina de Ikebana, do Consulado Geral do Japão

Alunos da Nagai participando da Oficina de Ikebana, do Consulado Geral do Japão

A Associação Nagai une Esporte, Educação e Cultura, utilizando o judô como ferramenta de integração social e atividades culturais, passeios, campeonatos e exames de faixa como fomento à busca de novos conhecimentos e novas oportunidades e perspectivas de futuro.

Por meio da metodologia a Associação Nagai dissemina valores como Disciplina, Responsabilidade, Respeito, Humildade e Solidariedade.

Exames de faixa, passeios e campeonatos devem ser conquistados pelos alunos, de forma que eles se comprometam com o seu próprio desenvolvimento educacional e pessoal. Isso significa: ter um comportamento social, familiar, escolar e esportivo exemplar. Neste sentido, o envolvimento da família é uma estratégia para galgar resultados expressivos junto aos alunos.

Hoje mais de 20 atletas/estudantes têm bolsas de estudo no Colégio Elite, uma das melhores escolas particulares do Rio de Janeiro, garantindo o acesso à Educação de Qualidade àqueles que se destacam pelo compromisso com o seu próprio desenvolvimento.

Alunos com performance de Alto Rendimento no Judô é uma consequência natural da dedicação e emprenho dos alunos que a metodologia promove, um dos resultados espontâneos do trabalho desenvolvido pela Associação NAGAI.

A Nagai trabalha também com um programa de formação de multiplicadores, em que alunos descobrem novas competências e passam a trilhar uma iniciação na trajetória profissional como monitores no judô.

Ryan Guimarães, morador do Complexo do Alemão, Campeão Brasileiro dos Jogos Escolares da  Juventude/2016

Ryan Guimarães, morador do Complexo do Alemão, Campeão Brasileiro dos Jogos Escolares da Juventude/2016

Alunos Nagai Bolsistas no Colégio Elite - O Judô como oportunidade de acesso a um ensino de qualidade

Alunos Nagai Bolsistas no Colégio Elite – O Judô como oportunidade de acesso a um ensino de qualidade

Resultados

A melhora no comportamento e da nota escolar dos alunos resultou na adesão da comunidade e gerou estímulo – em pais e responsáveis, alunos e na própria comunidade – para o compromisso com o desenvolvimento.

Ryan Guimarães, 15 anos, morador da comunidade do Complexo do Alemão, campeão Brasileiro dos Jogos Escolares da Juventude, sonha com um futuro melhor, através do Judô.

Monitor Matheus Idalino, 17 anos, morador da comunidade do Complexo do Alemão, está concluindo o segundo grau como bolsista do Colégio Elite.

Equipe
Coordenadora Geral: Silvana Nagai, Mestrado em Treinamento de Alto Rendimento Esportivo e Pós Graduação em Judô.
Coordenadora Administrativa Financeira: Rejane Luna, Gerente em Tecnologia da Informação.
Consultora Desenvolvimento Institucional: Monica Kondziolková, Especialista em Gestão da Comunicação com 25 anos de experiência em desenvolvimento de organizações sociais.

Contatos:
Rejane Luna: 21 98856-5259, e-mail: rejaneluna@rejane.luna.com.br
Monica Kondziolková: 11 95962.9666, e-mail: mkondz@hotmail.com